Lisboa e os animais: 9 parques que vão adorar visitar

Jardim Zoológico de Lisboa

Apesar de ser uma grande metrópole, em Lisboa e nos arredores há vários parque dedicados ao reino animal onde mergulhamos na natureza, conhecemos muitos animais e descobrimos  mais sobre a importância da preservação das espécies. Venham daí fugir do frenesim da cidade e visitar o Reino Animal!


Lisboa e os animais

 

Oceanário de Lisboa

 

Oceanário de Lisboa

 

O Oceanário de Lisboa é um dos mais impactantes aquários da Europa. É um local emblemático da cidade e um excelente programa para famílias. Casa de milhares de seres marinhos, com mais de 400 espécies de peixes, pássaros, anfíbios, répteis e mamíferos marinhos que coabitam neste espaço.

À imagem do fundo do mar, o Oceanário transporta-nos para um mundo azul, tranquilo e fascinante, onde os seres vivem em harmonia. Uma visita inesquecível!

 

Jardim Zoológico de Lisboa

 

Jardim Zoológico de Lisboa
Jardim Zoológico de Lisboa

Uma visita ao Jardim Zoológico de Lisboa para conhecer muitos animais é sempre um programa em cheio. Com cerca de 2000 animais de 300 espécies, entre mamíferos, anfíbios, crustáceos e répteis, o Zoo de Lisboa é um mundo à parte. Criado em 1884, foi o primeiro parque com fauna e flora da Península Ibérica.

Na época era uma mera exposição de animais mas hoje tem um papel importante na conservação e proteção da natureza. O Centro Pedagógico foi criado para promover a educação do público para o respeito e a proteção da fauna. No site do Zoo encontram toda a informação para uma visita divertida.

 


Sabiam que…?

O Jardim Zoológico assume um papel fundamental para a sobrevivência de espécies ameaçadas, participando em programas de reprodução. Foi aqui que, em 1997, aconteceu a primeira inseminação artificial bem sucedida de uma fêmea Tigre-da-Sibéria na Europa, numa parceria com a estação Zootécnica Nacional.

Quinta Pedagógica dos Olivais

 

Qunta pedagogica dos Olivais Lisboa
Imagem: Quinta Pedagógica dos Olivais

 

Se vos apetece dar um passeio ao campo sem sair da cidade, então uma visita à Quinta Pedagógica dos Olivais é o programa certo. Com cerca de dois hectares, a quinta oferece muitas atividades dedicadas à vida rural. Na visita à quinta vamos conhecer as vacas, os burros, as galinhas, os patos, os cisnes e muitos outros animais da quinta. Aqui nenhum pormenor é deixado ao acaso.

Mesmo no centro de Lisboa aprendemos a tratar dos animais, das hortas e pomares, a fazer pão, compotas e outros produtos típicos. A quinta está aberta de terça a domingo. A entrada é gratuita.

Aquário Vasco da Gama

 

Aquário Vasco da Gama
Imagem: Aquário Vasco da Gama

 

O Aquário Vasco da Gama está localizado na Cruz Quebrada. Foi inaugurado pelo rei D. Carlos I em 1898. Hoje, com 124 anos, é um dos mais antigos aquários do mundo, mas continua a ser uma referência da história natural e da oceanografia.

Aqui, a fauna dos mares portugueses é o que tem lugar de destaque, mas há espécies de animais e vegetais de ecossistemas de água doce e salgada de todo o mundo. A par com os animais marinhos, o aquário tem um museu com o espólio deixado pelo rei D. Carlos, resultado das suas campanhas oceanográficas.

Arredores de Lisboa e os animais

 

Borboletário da Quinta de Rana

 

Borboletário Cascais
Imagem: Cascais Ambiente

 

O Borboletário fica no Parque Urbano da Quinta de Rana, em São Domingos de Rana. É um espaço dedicado à criação de borboleta, onde é possível observar as várias fases da sua vida, desde o ovo à crisálida e à borboleta.

Uma visita a este espaço é um programa interessante para os mais novos, que se fascinam com tantas borboletas e cores. A entrada é gratuita.

Quinta Pedagógica Burros do Magoito

 

Burros do Magoito
Imagem: Burros do Magoito

 

Esta quinta fica na aldeia Arneiro dos Marinheiros, perto do Magoito e está aberta todo o ano. Aqui, as crianças podem ter contacto com os animais da Quinta. Podem, por exemplo, escovar e alimentar os animais e aprender sobre a preservação do meio-ambiente. Todas as atividades requerem marcação prévia.

Observar os golfinhos no Estuário do Sado

 

Setubal Centro Interpretativo Roaz
Imagem: Setubalambiente.pt

 

No delta do Rio Sado vive uma comunidade sedentária de golfinhos Roazes-Corniveiros. São cerca de 30 animais selvagens que habitam o estuário e que são avistados com muita frequência. Há vários passeios de barco organizados para a observação desta comunidade de golfinhos.

A região é lindíssima e o passeio inesquecível. Para complementar a visita, podem conhecer o Centro Interpretativo do Roaz do Estuário do Sado, que fica na Casa de Baía, em Setúbal. A entrada no Centro Interpretativo é gratuita.

Evoa

 

Evoa
Imagem: Evoa

 

O EVOA – Espaço de Visitação e Observação de Aves – fica localizado na Reserva Natural do Estuário do Tejo, em Vila Franca de Xira.  É o habitat natural de muitas espécies de aves que utilizam esta área para refúgio de nidificação.

Cegonhas, flamingos e águias são algumas das espécies de aves que podem ser observadas noa reserva. O EVOA tem visitas preparadas para surpreender os visitantes com a diversidade natural da região. Aqui encontram mais informações sobre a reserva.

Badoca Park

 

Badoca Park
Imagem: Badoca Park

 

O Badoca Park é um parque temático com animais que fica a 150 kms de Lisboa, em Vila Nova de Santo André, Alentejo. Tem 600 animais de 80 espécies diferentes. Búfalos, zebras, orixás, gnus, cangurus, lémures e suricatas são alguns dos animais que vamos observando durante o safari no parque, que dura 45 minutos.

Há também uma apresentação de aves de rapina, de lémures e de répteis e, ainda, podemos visitar a ilha dos primatas. para acabar, uma visita à quinta dos animais domésticos vai fazer as delícias dos mais novos.

Boas explorações!

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Scroll to Top
This site is registered on wpml.org as a development site.